Elenco da Seleção Brasileira na Copa do Mundo de 1970

1970 FIFA World Cup

.:: 9ª Copa do Mundo, México 1970 ::.

A Copa do Mundo FIFA de 1970 foi a nona edição da Copa do Mundo FIFA de Futebol, que ocorreu de 31 de maio até 21 de junho. O evento foi sediado no México, tendo partidas realizadas nas cidades de Guadalajara, León, Cidade do México, Puebla, Toluca. Dezesseis seleções nacionais foram qualificadas para participar desta edição do campeonato, sendo 9 delas europeias (União Soviética, Bélgica, Itália, Suécia, Inglaterra, Romênia, Tchecoslováquia, Alemanha Ocidental e Bulgária), 5 americanas (México, El Salvador, Uruguai, Brasil e Peru), 1 asiática (Israel) e 1 africana (Marrocos).

As seleções de El Salvador, Israel e Marrocos faziam sua primeira participação na competição. A edição teve uma grande goleada: México 4 x 0 El Salvador. A Copa contou com grandes jogadores, como Teofilo Cubillas do Peru, Mazurkiewicz do Uruguai, Sepp Maier, Gerd Müller, Uwe Seeler, Karl-Heinz Schnellinger, Franz Beckenbauer e Wolfgang Overath da Alemanha, Giacinto Facchetti, Roberto Rosato, Sandro Mazzola, Luigi Riva, Gianni Rivera e Roberto Boninsegna da Itália, Gordon Banks, Bobby Moore, Geoff Hurst, Martin Peters e Bobby Charlton da Inglaterra e Pelé, Jairzinho, Tostão, Rivellino, Gérson, Clodoaldo, Piazza e Carlos Alberto Torres do Brasil.

Nas semifinais desta Copa, ocorreu o chamado jogo do século, disputado entre as equipes da Alemanha Ocidental e da Itália. A partida permanecia 1 a 0 para a Itália até os 90 minutos, quando Karl-Heinz Schnellinger empatou a partida e levou a decisão para a prorrogação. Nessa prorrogação, ambas as seleções protagonizaram uma sucessão de viradas de placar até que a Itália firmou a vitória em 4 a 3. Esta partida é tida como a única em todas as Copas a ter 5 gols feitos na prorrogação. Além destas equipes, uma das seleções favoritas era o Brasil que, embora tenha tido um retrospecto ruim em 1966, montou uma equipe repleta de estrelas, como Pelé, Jairzinho, Tostão, Rivellino, Gérson, Clodoaldo, Piazza e Carlos Alberto Torres. Nesta edição, o Brasil venceu todos os jogos das eliminatórias e da Copa. Esta equipe mostrou ser uma das mais eficientes de todos os tempos.

A final da Copa do Mundo FIFA de 1970 foi disputada pelo Brasil, que havia eliminado o Uruguai e o Peru; e a Itália, que eliminara a Alemanha Ocidental e o México. A partida foi realizada em 21 de junho no Estádio Azteca na Cidade do México, com um público estimado em 108 000 pessoas. Sob o apito do árbitro alemão Rudolf Gloeckner, o primeiro tempo terminou empatado em 1 a 1. Ao final dos 90 minutos, o placar era de 4 a 1 para a equipe brasileira. O título serviu de propaganda política, quando o país estava no auge da ditadura militar brasileira. Este título também pôs o Brasil como a primeira seleção a ser tricampeã, confirmando a superioridade brasileira em relação ao futebol mundial. O capitão Carlos Alberto Torres levantou a Taça Jules Rimet entregue pela última vez em Copas, agora em caráter definitivo.

Pela primeira vez, substituições foram permitidas em Copas do Mundo. Cada time poderia fazer duas alterações durante o jogo. A União Soviética foi o primeiro time a se utilizar do expediente contra o México na partida de abertura. Viktor Serebryanikov foi o primeiro jogador a ser substituído, pois Anatoly Puzach entrou em seu lugar após os 45 minutos iniciais.

Esta Copa também foi a primeira a apresentar o uso dos cartões amarelo e vermmelho para advertências e expulsões respectivamente (note que as advertências e expulsões já existiam antes de 1970). Cinco cartões amarelos foram mostrados na partida de abertura entre México e URSS, enquanto nenhum cartão vermelho foi mostrado em todo o torneio. Fonte: wikipedia.org

A Seleção Brasileira:

A marchinha “a taça do mundo é nossa, com brasileiro não há quem possa…” poucas vezes fez tanto sentido como em 1970. A equipe não era perfeita, mas parecia. Não só pelos belíssimos gols marcados no torneio (e foram 19 em seis jogos), mas também pelas vitórias elásticas, principalmente nos jogos finais do campeonato no México.

A seleção brasileira era uma verdadeira máquina. Contava com craques como Rivellino, Tostão, Gérson, Clodoaldo, Carlos Alberto e Jairzinho, além do maior de todos: Pelé. Já nas eliminatórias, o time dava mostras de sua genialidade – ganhou todos os seis jogos, marcando 23 gols e sofrendo apenas dois.

Nem mesmo a troca de técnico (por pressão da ditadura militar, João Saldanha foi substituído por Zagallo depois que a equipe obteve a classificação) atrapalhou o bom momento da seleção, que continuou arrasadora na primeira fase da Copa do Mundo: vitórias sobre Tchecoslováquia (4 a 1), Inglaterra (1 a 0) e Romênia (3 a 2).

O duelo contra os ingleses, então atuais campeões mundiais, foi um dos momentos mais marcantes do torneio. O jogo estava 0 a 0 e muito equilibrado quando Pelé acertou uma cabeçada letal no canto direito. Quando os brasileiros já comemoravam, o goleiro Gordon Banks fez aquela que ficou conhecida como a “maior defesa de todos os tempos”.

O massacre brasileiro continuou na fase de “mata-mata”. Nas quartas de final, os peruanos – comandados pelo brasileiro Didi – foram as vítimas, goleados por 4 a 2.

Na semifinal, o Brasil bateu o Uruguai por 3 a 1 e vingou a derrota na final de 1950. Mas o jogo ficou conhecido pelo gol que Pelé não marcou. Sem tocar na bola, ele deu um drible de corpo no goleiro Mazurkiewicz e tocou para o gol vazio. Caprichosamente, a bola passou a poucos centímetros da trave direita.

A final contra a Itália, que valia a posse definitiva da taça Jules Rimet, teve dois tempos distintos. O primeiro terminou empatado, com Pelé abrindo o placar de cabeça e Boninsegna empatando para os italianos. No segundo, porém, o Brasil sobrou em campo e, com gols de Gérson, Jairzinho e Carlos Alberto, selou a goleada por 4 a 1. Pela primeira vez na história, o Brasil foi campeão vencendo todos os seus jogos – foram seis vitórias em seis jogos, 19 gols a favor e sete contra -, uma campanha irretocável que culminou com a conquista do tri. Fonte: copadomundo.uol.com.br


.:: Os Tricampeões Mundiais! ::.

Elenco e Comissão Técnica da Seleção Brasileira tricampeã Mundial de Futebol.
Em pé: Rogério (Olheiro), Cláudio Coutinho (Prep. Físico), Parreira (Prep. Físico), Félix, Joel, Leão, Fontana, Brito, Clodoaldo, Zagallo (Técnico) e Admildo Chirol (Prep. Físico); Agachados: Mário Américo (Massagista), Rivellino, Carlos Alberto Torres, Baldocchi, Piazza, Everaldo, Paulo César Caju, Tostão, Marco Antônio e Ado; Sentados: Edu, Zé Maria, Dadá Maravilha, Gérson, Roberto Miranda, Jairzinho, Pelé e Nocaute Jack (Massagista). Técnico: Zagallo
Crédito: www.futebolemfotos.blogspot.com.br/clique-aqui
Elenco da Seleção Brasileira – Brazil National Team Squad
Atleta Alcunha Clube J G P
01 GO Félix Miéli Venerando Félix Fluminense FC (RJ) 6 7 1
02 ZA Hércules Brito Ruas Brito CR Flamengo (RJ) 6 0 2
03 ZA Wilson da Silva Piazza Piazza Cruzeiro EC (MG) 6 0 1
04 LD Carlos Alberto Torres © Carlos Alberto Santos FC (SP) 6 1 1
05 MV Clodoaldo Tavares de Santana Clodoaldo Santos FC (SP) 6 1 1
06 LE Marco Antônio Feliciano Marco Antônio Fluminense FC (RJ) 1 0 1
07 PD Jair Ventura Filho Jairzinho Botafogo FR (RJ) 6 7 2
08 ME Gérson de Oliveira Nunes Gérson São Paulo FC (SP) 4 1 2
09 CA Eduardo Gonçalves Andrade Tostão Cruzeiro EC (MG) 6 2 2
10 AT Édson Arantes do Nascimento Pelé Santos FC (SP) 6 4 4
11 PE Roberto Rivelino Rivelino SC Corinthans (SP) 5 3 1
12 GO Eduardo Roberto Stinghen Ado SC Corinthans (SP) 0 0 1
13 CA Roberto Lopes de Miranda Roberto Botafogo FR (RJ) 2 0 1
14 ZC José Guilherme Baldochi Baldochi SE Palmeiras (SP) 0 0 1
15 ZA Jodé de Anchieta Fontana Fontana Cruzeiro EC (MG) 1 0 1
16 LE Everaldo Marques da Silva Everaldo Grêmio FBPA (RS) 5 0 1
17 ZA Joel Camargo Joel Santos FC (SP) 0 0 1
18 MC Paulo César Lima Paulo César Caju Botafogo FR (RJ) 4 0 1
19 PE Jonas Eduardo Américo Edu Santos FC (SP) 0 0 2
20 CA Dario José dos Santos Dadá Maravilha Atlético Mineiro (MG) 0 0 1
21 LD José Maria Rodrigues Alves Zé Maria Portuguesa-Dsp (SP) 0 0 1
22 GO Émerson Leão Leão SE Palmeiras (SP) 0 0 1
Coach: Mário Jorge Lobo Zagallo Zagallo Confederação Brasileira Desportos
# Capitão da Seleção Brasileira: Carlos Alberto Torres;
# Com esse título Pelé tornou-se tricampeão mundial (1958, 1962 e 1970).
# Referências: www.wikipedia.org/2002-FIFA-World-Cup/squads/Brazil
# Referências: cards.littleoak.com.au/panini-mexico-1970

.:: Campanha do Tricampeonato ::.

Primeira Fase – First Phase
3 de Junho de 1970, 16:00 hs – Estadio Jalisco, em Guadalajara – 52.897 pag
Brasil – Brazil 4 x 1 Tchecoslováquia – Czechoslovakia
Rivelino, 24′
Pelé, 59′
Jairzinho, 61′
Jairzinho, 83′
LINK 1 Ladislav Petráš, 11′
Para acessar as escalações clique no Link – To access the matches click on the Link
Primeira Fase – First Phase
7 de Junho de 1970, 12:00 hs – Estadio Jalisco, em Guadalajara – 66.843 pag
Inglaterra – England 0 x 1 Brasil – Brazil
LINK 2 Jairzinho, 59′
Para acessar as escalações clique no Link – To access the matches click on the Link
Primeira Fase – First Phase
10 de Junho de 1970, 16:00 hs – Estadio Jalisco, em Guadalajara – 50.804 pag
Brasil – Brazil 3 x 2 Romênia – Romania
Pelé, 19′
Jairzinho, 22′
Pelé, 67′
LINK 3 Florea Dumitrache, 34′
Emerich Dembrovschi, 84′
Para acessar as escalações clique no Link – To access the matches click on the Link
Quartas de Final – Quarters Finals
14 de Junho de 1970, 12:00 hs – Estadio Jalisco, em Guadalajara – 54.233 pag
Brasil – Brazil 4 x 2 Peru
Rivelino, 11′
Tostão, 15′
Tostão, 52′
Jairzinho, 75′
LINK 4 Alberto Gallardo, 28′
Teófilo Cubillas, 70′
Para acessar as escalações clique no Link – To access the matches click on the Link
Semifinal – Semifinals
17 de Junho de 1970, 16:00 hs – Estadio Jalisco, em Guadalajara – 51.261 pag
Uruguai – Uruguay 1 x 3 Brasil – Brazil
Luis Cubilla, 19′ LINK 5 Clodoaldo, 44′
Jairzinho, 76′
Rivelino, 89′
Para acessar as escalações clique no Link – To access the matches click on the Link
Final
21 de Junho de 1970, 12:00 hs – Estadio Azteca, na Cidade do México – 107.412 pag
Brasil – Brazil 4 x 1 Itália – Italy
Pelé, 18′
Gérson, 66′
Jairzinho, 71′
Carlos Alberto, 86′
LINK 6 Roberto Boninsegna, 37′
Para acessar as escalações clique no Link – To access the matches click on the Link
.:: Os Campeões – The Champions ::.
Ado Baldochi Brito Carlos Alberto Clodoaldo
Dario Edu Everaldo Félix Fontana
Gérson Jairzinho Joel Leão Marco Antônio
Paulo César Pelé Piazza Rivelino Roberto
Tostão Zé Maria Zagallo

.:: Copas do Mundo – World Cups ::.
Clique nos nomes. Aguarde 5 segundos. Feche a propaganda. Acesse a página;
(Click in the names. Wait 5 seconds. Close the advertisement. Access the page)
1930 1934 1938 1950 1954
1958 1962 1966 1970 1974
1978 1982 1986 1990 1994
1998 2002 2006 2010 2014

.:: Deixe um Comentário ::.
Se você gostou desse post ou do site indique para seus amigo.
Deixe uma crítica ou uma sugestão.

Anúncios

30 responses to this post.

  1. Posted by Emmanuel Suarez on 19/06/2014 at 2:49

    Best Brazilian team in history.

    Responder

  2. Posted by rodrigo on 21/06/2015 at 16:35

    A melhor seleção de todos os tempos, não ganhavam muito mas jogavao com dignidade e qualidade cada um com características especificas.

    Responder

  3. Posted by pio da silva barros on 21/06/2015 at 18:03

    a melhor seleção do mundo de todos os tempos

    Responder

  4. Tinha na epoca 12 anos de idade , primeira transmissao ao vivo para o Brasil de uma Copa do Mundo , Realmente a melhor seleçao de todos os tempos , fantastica !!!!!!!!

    Responder

    • Posted by Acimo Chande Omar Júnior on 13/10/2016 at 8:57

      Grande….

      Responder

      • Posted by Robson antonio de souza on 17/04/2017 at 22:13

        fico feliz em saber que o meu cruzeiro tinha tres jogadores na maior seleçao de todos os tempos , , com o zagallo nao existia bairrismo

  5. Posted by 123456789990 on 23/06/2015 at 2:27

    essa foi e senpre vai cer a seleçao melhor de tds seleçao.

    Responder

  6. a melhor seleçao do mundo , ja mais vai ter outra igual

    Responder

  7. Posted by reinaldo favaro on 19/10/2015 at 23:27

    saudades dever um time desse jogando….

    Responder

  8. Posted by zenon on 03/04/2016 at 3:07

    Eu só não digo que foi a melhor seleção de todos os tempos porque não tinha o Garrincha,este sim o maior jogador que o mundo já viu!

    Responder

  9. Posted by Adriano barros on 04/04/2016 at 21:43

    Seleção brasileira :eu considero a melhor seleção de todos os tempos.

    Responder

  10. Posted by carlos augusto severino on 14/04/2016 at 16:06

    Concordo melhor seleção de 58.Garrincha e Didi e Nilton Santos,craques fora de série.

    Responder

  11. Posted by adauto brito costa on 29/05/2016 at 21:03

    e um prazer elógia esta honrosa seleção

    Responder

  12. Posted by Ivan Marques de Ramos on 13/06/2016 at 0:10

    Vi vários jogos da seleção brasileira, inclusive a copa de 1970, contudo, que me perdoem os entendidos de futebol; jamais tornei a ver uma seleção brasileira com tanta garra e vontade de superar os seus problemas. Era um time que, tomando o primeiro gol, lá vinha um jogador, colocava a bola debaixo do braço e dizia: esse jogo é nosso!

    Responder

  13. Posted by Tiago on 15/06/2016 at 16:08

    O melhor do futebol de todos os tempos!!! Seleção de 70!!

    Responder

  14. Posted by HIDERALDO on 04/07/2016 at 17:29

    Ela foi a melhor seleção na sua época. Se pudéssemos colocar exatamente essa mesma seleção com Pelé e tudo no mineirão na copa 2014 contra a alemanha eles tomariam os mesmos sete, talvez mais…notem que naquele tempo os jogadores eram mais “fortinhos” do que hoje. O futebol evoluiu muito, principalmente o futebol europeu que joga com onze em campo e não depende de um ou de dois… O preparo físico e a marcação fortíssima além da tecnica coletiva de uma seleção atual simplesmente passearia em campo, principalmente no segundo tempo arrisco dizer que o Brasil tomaria uns dez…

    Responder

    • Posted by roberto on 25/10/2016 at 18:46

      não sabe o que é futebol.
      aqueles jogadores eram craques e homens que tinham
      vontade de defender o Brasil. não simples produtos de tv. Alemanha
      foi acidente, jamais voltara a acontecer

      Responder

  15. Posted by ag. silva on 15/07/2016 at 17:53

    inigualável em todos os tempos..ali havia football,e não enganação e máscara…

    Responder

  16. Posted by Acimo Chande Omar Júnior on 13/10/2016 at 8:56

    Melhor Selecção de todos os tempos, tendo ouvido a contar me o meu pai sobre esta copa do México de 1970.

    Responder

  17. Posted by marco aurelio bassani azevedo on 25/10/2016 at 16:01

    Eu tinha na época 10 anos, que orgulho que senti inesquecível, para mim foi a melhor seleção de todos os tempos, parabéns a todos. Grande futebol exibido na copa de 70.

    Responder

  18. Posted by sergio on 25/10/2016 at 23:54

    neste time qualquer grande craque de hoje, talves nao ficava nem no banco

    Responder

  19. Posted by osvaldo luiz p. ferreira on 27/11/2016 at 13:22

    seria bom vcs frizarem que gerson era do botafogo, ele foi negociado com o são paulo durante a copa; e, ele teve que ir ao botafogo quando retornou do méxico para acertar a sua transferencia, portanto ele ainda era do botafoosvaaldo htk.hotmail

    Responder

  20. Posted by marco on 13/02/2017 at 16:51

    Essa é a melhor seleção que eu vi jogar, monstros sagrados da posição como Leão, Edu, Zé Maria,Dada Maravilha ( beija flor), nunca reclamaram de terem sido reservas, e um tal de Pelé, ouvia, bonzinho, ” broncas ” de Carlos Alberto Torres e Gérson.

    Responder

  21. Para mim a melhor seleção de todos os tempos em que pese as seleções de 1958 e 1962 eram fortíssimas também. Tinha 12 anos de idade na época e foi a primeira copa transmitida ao vivo para o Brasil.Como gaúcho e torcedor do Grêmio vibrei que Everaldo foi titular e foi o único jogador do RS que foi convocado e sagrou-se tri-campeão.Everaldo não comprometeu e fez a sua parte muito bem.Foi recebido com festa na volta para POA, não só os gremistas festejaram mas os colorados também deixando a rivalidade Grenal de lado,pois Everaldo era o único gaúcho titular tri-campeão.

    Responder

Deixe um Comentário, uma opinião

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: