Archive for the ‘Coach: Parreira’ Category

23 de Março de 1994 – Brasil 2 x 0 Argentina

Ricardo Rocha disputa jogada com o ataque argentina na vitória em Recife;
Crédito: www.pe.superesportes.com.br
Ficha Tecnica
Brasil 2 x 0 Argentina
International Friendly: Brazil 2 – 0 Argentina
Ficha Técnica







Competição (Tournament): Amistoso Oficial
Data (Date): Quarta-Feira, 23 de Março de 1994
Estádio (Stadium): Santa Cruz FC – José do Rego Maciel “Arruda”, Recife/PE
Público (Attendance): 85.000 expectadores
Árbitro (Referee): Wilson de Souza Mendonça/PE (Brasil / Brazil)
Assistente 1 (Assistant Referee 1): Jorge Paulo Gomes/DF (Brasil / Brazil)
Assistente 2 (Assistant Referee 2): José Elias Guedes/AL (Brasil / Brazil)
Quarto Árbitro (Fourth Oficial): Sem Registro (No Registry)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Mauro Silva Diego Simeone
Mazinho Fernando Cáceres
Léo Rodríguez
Hernán Díaz
Gols| Goals | Goles Gols| Goals | Goles
1-0 Bebeto, aos 5’/1º
2-0 Bebeto, aos 35’/2º (Cabeça)
Brasil – Brazil Argentina
Gk
Df
Df
Df
DF
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Zetti
02 Cafu
03 Ricardo Rocha ©
04 Ricardo Gomes (Mozer, ht)
06 Branco (Leonardo, ht)
05 Mauro Silva
08 Dunga (Mazinho, 68′)
10 Raí © (Rivaldo, ht)
11 Zinho
07 Bebeto (Ronaldo, 80′)
09 Müller
Gk
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Sergio Goycochea
04 Hernán Díaz
02 Sergio Vázquez
06 Fernando Cáceres
03 José Chamot
05 Fernando Redondo
08 Diego Cagna (Monserrat, 61′)
10 Diego Simeone
20 Leo Rodríguez (Ortega, 77′)
07 Claudio García
09 Gabriel Batistuta
Coach: Carlos Alberto Parreira Coach: Alfio Basile
Gk
Df
Df
Df
Mc
Mc
At
At
At
At
12 Gilmar Rinaldi
13 Mozer, no Intervalo
14 Cléber
15 Leonrdo, no Intervalo
16 César Sampaio
17 Mazinho, aos 23’/2º
18 Edilson
19 Ronaldo, aos 35’/2º
20 Evair
21 Rivaldo, no Intervalo
Gk
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
12 Luis Islas
13 Néstor Craviotto
15 Jorge Borelli
16 Oscar Ruggeri
11 Diego Maradona
14 Roberto Monserrat, aos 16’/2º
17 Ariel Ortega, aos 32’/1º
18 Néstor Gorosito
19 Hugo Pérez
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
1 x 0 1 x 0 2 x 0
.:: Observações ::.




Amistoso de preparação do Brasil visando a Copa do Mundo de 1994, nos Estados Unidos;
Brasil: Camisa Amarela, Calção Azul e Meias Brancas (Umbro);
Argentina: Camisa listrada em Azul-Branco, Calção Preto e Meias Brancas;
Estreante na Seleção Brasileira: Ronaldo Luis Nazário de Lima;
Assisti esse jogo, ao vivo, pela TV Verdes Mares, canal, afiliada da Globo;
Parreira: | 35 Jogos | 20 Vitórias | 10 Empates | 5 Derrotas | 71 Gols Pró | 28 Gols Contra

.:: Galeria de Imagens ::.
Ronaldo fez sua estréia na seleção brasileira principal nesse jogo;
Crédito: www.imortaisdofutebol.com
Credito: www.youtube.com/amistoso

Crônica do Jogo

O Brasil quebrou um tabu de cinco anos e venceu a Argentina por 2 a 0 –mesmo placar da última vitória brasileira, no Maracanã, na Copa América de 89. Como naquela partida, o atacante Bebeto foi um dos destaques. Desta vez, marcou os dois gols, graças a dois precisos passes de Muller.

A Argentina, que fazia seu primeiro amistoso de preparação para a Copa do Mundo, pouco mostrou. O craque Diego Maradona permaneceu no banco de reservas, com a camisa 11. Os argentinos mostraram pouco futebol e muita violência, contando com a passividade do árbitro pernambucano Wilson Sousa Mendonça.

O primeiro gol brasileiro saiu logo aos 6min do primeiro tempo, dando tranquilidade aos jogadores. O zagueiro Ricardo Rocha passou para Muller, que girou diante da zaga argentina e tocou de esquerda para Bebeto. O atacante do La Coruña chutou e o goleiro Goycochea, muito criticado pela imprensa argentina, espalmou a bola para dentro do gol.

O Brasil jogava melhor. Aos 22 minutos, Muller se infiltrou entre dois zagueiros e desviou de Goycochea. A bola tocou no pé da trave esquerda.

As atenções de todos estavam voltadas para Raí, que tinha a responsabilidade de mostrar ao técnico Carlos Alberto Parreira que tem vez na seleção.
O meia do Paris Saint-Germain procurou se deslocar por todo o campo, sofreu muitas faltas e deixou boa impressão. Prudentemente, Parreira o substituiu por Rivaldo no intervalo.

Logo com 1 minuto do segundo tempo, Rivaldo recebeu as “boas-vindas” do meia argentino Simeone, que, após derrubá-lo no meio-campo, pisou a mão direita do atacante corintiano.

O árbitro Wilson Sousa, que tolerou outras faltas violentas, dos dois lados, no primeiro tempo, deu a Simeone o primeiro cartão marelo da partida.

As substituições do intervalo (Raí por Rivaldo, Ricardo Gomes por Mozer e Leonardo por Branco) aumentaram o ritmo da seleção, que tinha desacelerado no final da primeira etapa. Aos 7 minutos, Leonardo fez jogada com Rivaldo e cruzou para Bebeto, mas a zaga se antecipou.

Aos 10 minutos, Mozer pegou a sobra de uma dividida e só não fez o gol porque Goycochea se antecipou e saiu nos pés do zagueiro.

As faltas violentas se sucediam e o árbitro pouco fazia para coibi-las. Cáceres deu uma cotovelada em Muller no 14º minuto. Quatro minutos depois, o argentino Leo Rodríguez, ao reclamar de uma falta, empurrou o juiz. Nos dois casos, Wilson Sousa se limitou a mostrar o cartão amarelo aos argentinos.

A resposta brasileira veio aos 32min. Mazinho e Muller fizeram jogada pela direita. Enquanto Mazinho era pisado por Hernán Díaz, Muller escapou com a bola e cruzou na cabeça de Bebeto, que colocou a bola no ângulo esquerdo. Foi a única cabeçada do Brasil na partida.

A violência continuou a imperar em campo. Mazinho deu uma tesoura em Claudio García e levou o troco na jogada seguinte. A essa altura, a partida já estava decidida.

O técnico do Brasil, Carlos Alberto Parreira, pôs em campo o centroavante do Cruzeiro, Ronaldo, 17, que estreava na seleção. Ele pouco pôde fazer em dez minutos, mas mostrou disposição.

No final da partida, o Brasil se deu ao luxo de dar um “olé” nos argentinos. Cafu, um dos destaques do jogo, prendia a bola com muita habilidade. Na Argentina, o centroavante Batistuta foi o destaque. (Fonte: folha.uol.com.br/Fábio-Guibu)


.:: Seleção Brasileira – Brazilian National Team ::.
Todos os jogos do Brasil nas copas do mundo aqui.


Porque Deus amou o mundo de tal maneira, que deu seu Filho unigênito, para que todo aquele que Nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna. (João 3.16)


For God so loved the world, that he gave his only begotten Son, that whosoever believeth in him should not perish, but have everlasting life. (John, 3:16)
Anúncios

16/12/1993 – México 0 x 1 Brasil

Confira o gol de RIvaldo que deu a vitória ao Brasil contra o Mexico;
Credit: www.youtube.com/Imagens-da-Globo
Ficha Tecnica
México 0 x 1 Brasil
International Friendly: Mexico 0 -1 Brazil
Ficha Técnica







Competição (Tournament): II Torneio da Amizade – 1ª Rodada
Data (Date): Quinta-Feira, 16 de Dezembro de 1993
Estádio (Stadium): Jalisco, Guadalajara, (México / Mexico)
Público (Attendance): 28.651 expectadores
Árbitro (Referee): Bernie Ulloa (Costa Rica)
Assistente 1 (Assistant Referee 1): Sem Registro (No Registry)
Assistente 2 (Assistant Referee 2): Sem Registro (No Registry)
Quarto Árbitro (Fourth Oficial): Sem Registro (No Registry)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Renato Gáucho
Jorginho
Ricardo Rocha
Gols | Goals | Goles Gols | Goals | Goles
1-0 Rivaldo, aos 17’/1º (Cabeça)
México – Mexico Brasil – Brazil
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
Jorge Campos
Jorge Rodríguez (Patiño, 75′)
Ignacio Ambríz (Salgado, ht)
Abraham Nava
Miguel Herrera
Marcelino Bernal
Benjamín Galindo (Castañeda, ht)
García Aspe
Joaquín del Olmo (Hermosillo, 75′)
Luis Miguel Salvador (Zague, ht)
Hugo Sánchez
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Zetti (Gilmar, ht)
02 Jorginho
03 Ricardo Rocha ©
04 Ronaldão
06 Branco (Leonardo, ht)
05 Dinho
08 Dunga (Paulo Sérgio, 65′)
10 Palhinha (Alberto, ht)
11 Rivaldo
07 Renato Gaúcho (Viola, 80′)
09 Müller
Coach: Miguel Mejía Barón Coach: Carlos Alberto Parreira
Df
Df
At
At
At
José Luis Salgado, no Intervalo
Guadalupe Castañeda, no Intervalo
Zague, no Intervalo
Carlos Hermosillo, aos 30’/2º
David Patiño, aos 30’/2º
Gk
Df
Mc
At
At
12 Gilmar Rinaldi, no Intervalo
16 Leonardo, no Intervalo
18 Alberto, no Intervalo
21 Paulo Sérgio, aos 20’/2º
19 Viola, aos 35’/2º
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
0 x 1 0 x 0 0 x 1
.:: Observações ::.




Jogo de preparação do Brasil visando a Copa do Mundo ano que vem;
Brasil: Camisa Amarela, Calção Azul e Meias Brancas (Umbro);
México: Camisa Verde, Calção Branco e Meias Vermelhas;
Estreantes na Seleção Brasileira: Dinho, Rivaldo e Alberto;
Essisti esse jogo, ao vivo, pela TV Verdes Mares canal 10, Fortaleza/CE;
Parreira: | 34 Jogos | 19 Vitórias | 10 Empates | 5 Derrotas | 69 Gols Pró | 28 Gols Contra

.:: Seleção Brasileira – Brazilian National Team ::.
Todos os jogos do Brasil nas copas do mundo aqui.


Porque Deus amou o mundo de tal maneira, que deu seu Filho unigênito, para que todo aquele que Nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna. (João 3.16)


For God so loved the world, that he gave his only begotten Son, that whosoever believeth in him should not perish, but have everlasting life. (John, 3:16)

17/11/1993 – Alemanha 2 x 1 Brasil

Jorginho, Zinho e Raí cercam um alemão na derrota brasileira;
Crédito: www.impromptuinc.wordpress.com
Ficha Tecnica
Alemanha 2 x 1 Brasil
International Friendly: Germany 2 – 1 Brazil
Ficha Técnica







Competição (Tournament): Amistoso (Friendly)
Data (Date): Quarta-Feira, 17 de Novembro de 1993, às 15:45 hs (Local)
Estádio (Stadium): Müngersdorfer Stadion, Colônia (Alemanha / Germany)
Público (Attendance): cerca de 51.000 pessoas
Árbitro (Referee): Jan Damgaard Dinamarca / (Denmark)
Assistente 1 (Assistant Referee 1): Sem Registro (No Record)
Assistente 2 (Assistant Referee 2): Sem Registro (No Record)
Quarto Árbitro (Fourth Oficial): Silvio Trucco (Argentina)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Jürgen Kohler Márcio Santos
Stefan Effenberg Ricardo Gomes
Jorginho
Branco
Dunga
Zinho
Gols | Goals | Goles Gols | Goals | Goles
1-0 Guido Buchwald, aos 37’/1º 1-1 Evair, aos 39’/1º
2-1 Andreas Möller, aos 40’/1º
Alemanha – Germany Brasil – Brazil
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Bodo Illgner
02 Stefan Effenberg
04 Jürgen Kohler
05 Thomas Helmer
03 Andreas Brehme
10 Lothar Matthäus ©
06 Guido Buchwald
08 Thomas Hässler
07 Andreas Möller
09 Karl-Heinz Riedle (Kirsten, 77′)
11 Jürgen Klinsmann (Galdino, 84′)
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Ronaldo Giovanelli
02 Jorginho
03 Márcio Santos (Mozer, ht)
04 Ricardo Gomes ©
06 Branco
05 Dunga
10 Raí © (Válber, 67′)
08 Zinho
11 Paulo Sérgio
07 Edmundo
09 Evair (Edílson, 67′)
Coach: Berti Vogts Coach: Carlos Alberto Parreira
Df
At
Maurizio Gaudino, aos 39’/2º
Ulf Kirsten, aos 32’/1º
14
18
19
Mozer, no Intervalo
Edílson, aos 22’/2º
Válber Costa, aos 22’/2º
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
2 x 1 0 x 0 2 x 1
.:: Observações ::.




Jogo amistoso de Brasil e Alemanha visando a Copa do Mundo ano que vem;
Este foi a primeira derrota de Parreira para uma seleção europeia depois de sua volta;
Brasil: Camisa manga longa Amarela, Calção Azul e Meias Brancas (Nike).
Alemanha: Camisa manga longa Branca, Calção Preto e Meias Brancas (Adidas).
Assisti esse jogo, ao vivo pela TV Verdes Mares, canal 10, de Fortaleza/CE;
Parreira: | 33 Jogos | 18 Vitórias | 10 Empates | 5 Derrotas | 68 Gols Pró | 28 Gols Contra

.:: Galeria de Imagens ::.
Credito: www.youtube.com/amistoso

Alemanha – Germany
Nome Completo Alcunha Clube
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
Bodo Illgner
Lothar Herbert Matthäus
Stefan Effenberg
Jürgen Kohler
Thomas Helmer
Thomas Jürgen Hässler
Guido Ulrich Buchwald
Andreas Möller
Andreas Brehme
Karl-Heinz Riedle
Jürgen Klinsmann
Ulfert Kirsten
Maurizio Gaudino
Bodo Illgner
Lothar Matthäus
Stefan Effenberg
Jürgen Kohler
Thomas Helmer
Thomas Hässler
Guido Buchwald
Andreas Möller
Andreas Brehme
Kalle Riedle
Jürgen Klinsmann
Ulf Kirsten
Maurizio Gaudino
1. F.C. Köln, Colônia
F.C. Bayern, Munique
A.C. Fiorentina, Firenze (ITA)
Juventus F.C., Torino (ITA)
F.C. Bayern, Munique
A.S. Roma S.p.A., Roma (ITA)
V.f.B. Stuttgart, Stuttgart
Juventus F.C., Torino (ITA)
1. F.C. Kaiserslautern, Kaiserslautern
B.V. Borussia, Dortmund
A.S. Monaco F.C., Monaco (FRA)
Bayer 04, Leverkusen
Eintracht Frankfurt, Frankfurt am Main
Hans-Hubert Vogts Berti Vogts 30/12/1946, Büttgen, Alemanha
# Links Externos (External Links): www.eu-football.info

.:: Seleção Brasileira – Brazilian National Team ::.
Todos os jogos do Brasil nas copas do mundo aqui.


Porque Deus amou o mundo de tal maneira, que deu seu Filho unigênito, para que todo aquele que Nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna. (João 3.16)


For God so loved the world, that he gave his only begotten Son, that whosoever believeth in him should not perish, but have everlasting life. (John, 3:16)

19/09/1993 – Brasil 2 x 0 Uruguai

Romário marca o primeiro gol brasileiro na vitória contra o Uruguai;
Credito: www.gazetapress.com/Eurico Dantas/Agência O Globo/Gazeta Press
Ficha Tecnica
Brasil 2 x 0 Uruguai
1994 FIFA World Cup Qualification
Ficha Técnica







Competição (Tournament): Eliminatórias da Copa do Mundo – Grupo B – 8ª Rodada
Data (Date): Domingo, 19 de Setembro de 1993, 17:00 hs
Estádio (Stadium): Jornalista Mário Filho “Maracanã”, no Rio de Janeiro/RJ
Público (Attendance): 101.533 pagantes – Renda: Cr$ 109.244.600,00
Árbitro (Referee): Alberto Tejada Noriega (Peru / PER)
Assistente 1 (Assistant Referee 1): Cesar Monguet (Peru / PER)
Assistente 2 (Assistant Referee 2): Manuel Yupanqui (Peru / PER)
Quarto Árbitro (Fourth Oficial): Sem Registro (no Registry)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Branco, aos 31’/1º Ricardo Canals, aos 4’/1º
Enzo Francescoli, aos 35’/1º
Ruben Sosa, aos 8’/2º
José Herrera, aos 12’/2º
Diego Dorta, a0s 43’/2º
Gols | Goals | Goles Gols | Goals | Goles
1-0 Romário, aos 26’/2º (Cabeça)
2-0 Romário, aos 38’/2º
Brasil – Brazil Uruguai – Uruguay
Gk
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Clapudio Taffarel
02 Jorginho
03 Ricardo Rocha
04 Ricardo Gomes
06 Branco
05 Mauro Silva
08 Dunga
10 Rai ©
09 Zinho
11 Romário
07 Bebeto
Gk
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Robert Siboldi
02 Oscar Herrera
14 Ricardo Canals (Paz, 68′)
03 Fernando Kanapkis
04 Gustavo Méndez
08 Diego Dorta
05 Álvaro Gutiérrez
10 Enzo Francescoli © (Zalazar, 68′)
06 José Batista
09 Daniel Fonseca
11 Rubén Sosa
Coach: Carlos Alberto Parreira Coach: Ildo Maneiro
At
At
07 Adrián Paz, aos 23’/2º
18 José Luis Zalazar, aos 23’/2º
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
3 x 0 1 x 0 4 x 0
.:: Observações ::.




Jogo válido pela Eliminatórias para a Copa do Mundo de 1994, nos Estados Unidos;
Com esse resultado o Brasil classificou-se para a Copa do Mundo de 1994;
Brasil: Camisa Amarela, Calção Azul e Meias Brancas.
Uruguai: Camisa Azul-Celeste, Calção Azul e Azul-Celeste;
Assisti esse jogo, ao vivo pela TV Verdes Mares, canal 10, de Fortaleza/CE;
Parreira: | 32 Jogos | 18 Vitórias | 10 Empates | 4 Derrotas | 67 Gols Pró | 26 Gols Contra
Tabela de Classificação
Tabela de Classificação do Grupo do Brail
Times (Técnico) Pts Jgs Vit Emp Der GP GC S
Brasil (Carlos Alberto Parreira) 12 8 5 2 1 20 4 16
Bolivia (Xabier Azkargorta) 11 8 5 1 2 22 11 11
Uruguai (Luis Cubilla) 10 8 4 2 2 10 7 3
Equador (Dušan Draškovic) 5 8 1 3 4 7 7 0
Venezuela (Ratomir Dujkovic) 2 8 1 0 7 4 34 -30
# Regulamento: Os dois melhores classificam-se para a Copa do Mundo dos Estados Unidos;

.:: Galeria de Imagens ::.
Em pé: Taffarel, Ricardo Rocha, Mauro Silva, Jorginho, Ricardo Gomes e Branco:
Agachados: Dunga, Bebeto, Raí, Romário e Zinho; (@pnlopes)
Credito: esporteinterativo.com.br
Romário marca o primeiro gol brasileiro na vitória contra o Uruguai;
Credito: www.oglobo.globo.com
Romário dribla o goleiro Siboldi para marcar o segundo gol brasileiro;
Credito: forums.bigsoccer.com
Uma das formações da seleção do Uruguai no ano de 1993;
Em pé: De los Santos, Siboldi, Kanapkis, Sánchez, Eber Moas e Sanguinetti;
Agachados: Ostolaza, Hector Morán, Saralegui, Hugo Guerra e Adrián Paz;
Credito: soccernostalgia.blogspot.com.br
Confira os melhores momentos da vitória brasileira no Mineirão;
Credito: www.youtube.com/eliminatórias

.:: Seleção Brasileira – Brazilian National Team ::.
Todos os jogos do Brasil nas copas do mundo aqui.


Porque Deus amou o mundo de tal maneira, que deu seu Filho unigênito, para que todo aquele que Nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna. (João 3.16)


For God so loved the world, that he gave his only begotten Son, that whosoever believeth in him should not perish, but have everlasting life. (John, 3:16)

05/09/1993 – Brasil 4 x 0 Venezuela

Valdeir comemora com Palhinha (8) o segundo gol brasileiro no Mineirão;
Crédito: www.historiadordofutebol.com.br
Ficha Tecnica
Brasil 4 x 0 Venezuela
1994 FIFA World Cup Qualification
Ficha Técnica







Competição (Tournament): Eliminatórias da Copa do Mundo – Grupo B – 7ª Rodada
Data (Date): Domingo, 5 de Setembro de 1993
Estádio (Stadium): Magalhães Pinto “Mineirão”, em Belo Horizonte/MG
Público (Attendance): 62.868 pagantes (Total: 72.489) – Renda: CR$ 45.890.400,00
Árbitro (Referee): Francisco Lamolina (Argentina)
Assistente 1 (Assistant Referee 1): Luis Rossetti (Argentina)
Assistente 2 (Assistant Referee 2): Carlos Boquete (Argentina)
Quarto Árbitro (Fourth Oficial): Anibal Hay
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Héctor Rivas, aos 26’/2º
Gols | Goals | Goles Gols | Goals | Goles
1-0 Ricardo Gomes, aos 27’/1º (Cabeça)
2-0 Palhinha, aos 29’/1º
3-0 Evair, aos 31’/1º (Cabeça)
4-0 Ricardo Gomes, aos 44’/2º (cabeça)
Brasil – Brazil Venezuela
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
At
At
At
01 Cláudio Taffarel
02 Jorginho
03 Ricardo Rocha
04 Ricardo Gomes
06 Branco
05 Mauro Silva
08 Palhinha
10 Raí ©
11 Zinho
07 Valdeir (Luis Henrique, 72′)
09 Evair
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
01 José “Cheo” Gómez
13 Luis Filosa
06 Edson Tortolero
02 Carlos García
20 Luis Morales
21 Héctor Rivas
17 Edson Rodríguez
08 Leopoldo Páez Pumar (Milillo, 78′)
03 Miguel Echenausi
10 Wilson Chacón (Hernández, 83′)
18 Juan García
Coach: Carlos Alberto Parreira Coach: Ratomir Dujkovic
Mc 15 Luis Henrique, aos 27’/2º Mc
Mc
15 Ricardo Mililo, aos 33’/2º
05 Sergio Hernández, aos 38’/2º
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
3 x 0 1 x 0 4 x 0
.:: Observações ::.




Jogo válido pela Eliminatórias para a Copa do Mundo de 1994, nos Estados Unidos;
Mesmo vencendo de goleada a seleção brasileira saiu de campo vaiada;
Brasil: Camisa Amarela, Calção Azul e Meias Brancos;
Venezuela: Camisa Branca, Calção Branco e Meias Brancas;
Assisti esse jogo, ao vivo pela TV Verdes Mares, canal 10, de Fortaleza/CE;
Parreira: | 31 Jogos | 17 Vitórias | 10 Empates | 4 Derrotas | 65 Gols Pró | 26 Gols Contra
Tabela de Classificação
Tabela de Classificação do Grupo do Brail
Times (Técnico) Pts Jgs Vit Emp Der GP GC S
Brasil (Carlos Alberto Parreira) 10 7 4 2 1 18 4 14
Bolivia (Xabier Azkargorta) 10 6 5 0 1 20 8 12
Uruguai (Luis Cubilla) 8 6 3 2 1 9 4 5
Equador (Dušan Draškovic) 4 6 1 2 3 5 4 1
Venezuela (Ratomir Dujkovic) 0 7 0 0 7 2 33 -31
# Regulamento: Os dois melhores classificam-se para a Copa do Mundo dos Estados Unidos;

.:: Galeria de Imagens ::.
Confira os melhores momentos da vitória brasileira no Mineirão;
Credito: www.youtube.com/eliminatórias

.:: Seleção Brasileira – Brazilian National Team ::.
Todos os jogos do Brasil nas copas do mundo aqui.


Porque Deus amou o mundo de tal maneira, que deu seu Filho unigênito, para que todo aquele que Nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna. (João 3.16)


For God so loved the world, that he gave his only begotten Son, that whosoever believeth in him should not perish, but have everlasting life. (John, 3:16)

29/08/1993 – Brasil 6 x 0 Bolivia

Bebeto marcou dois gols na goleada brasileira contra a Bolivia;
Credito: globoesporte.globo.com/Luiz Prado / Ag. Estado
Ficha Tecnica
Brasil 6 x 0 Bolivia
1994 FIFA World Cup Qualification
Ficha Técnica







Competição (Tournament): Eliminatórias da Copa do Mundo – Grupo B – 6ª Rodada
Data (Date): Domingo, 29 de Agosto de 1993
Estádio (Stadium): Santa Cruz FC – José do Rêgo Maciel “Arruda”, Recife/PE
Público (Attendance): cerca de 72.000 expectadores
Árbitro (Referee): Oscar Velazquez Alvarenga (Paraguai / Paraguay)
Assistente 1 (Assistant Referee 1): Venancio Vázquez (Paraguai / Paraguay)
Assistente 2 (Assistant Referee 2): Demesio Romero (Paraguai / Paraguay)
Quarto Árbitro (Fourth Oficial): Sem Registro (no Registry)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Bebeto, aos 20’/1º Marco Antonio Sandy, aos 21’/1º
Dunga, aos 33’/2º Juan Manuel Peña, aos 19’/2º
Milton Melgar, aos 33’/2º
Gols | Goals | Goles Gols | Goals | Goles
1-0 Raí, aos 12’/1º
2-0 Müller, aos 18’/1º (Cabeça)
3-0 Bebeto, aos 22’/1º
4-0 Branco, aos 36’/1º (Cabeça)
5-0 Ricardo Gomes, 44’/1º (cabeça)
6-0 Bebeto, aos 15’/2º
Brasil – Brazil Bolivia
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
At
At
At
01 Cláudio Taffarel
02 Jorginho
03 Ricardo Rocha
04 Ricardo Gomes
06 Branco
05 Mauro Silva
08 Dunga [Expulso, 78′]
10 Raí ©
11 Zinho (Palhinha, 55′)
07 Bebeto (Evair, 71′)
09 Müller
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
25 Carlos Trucco
04 Miguel Rimba
05 Gustavo Quinteros
03 Marco Sandy
16 Luis Cristaldo
06 Carlos Borja
08 José Melgar [Expulso, 78′]
21 Erwin Sánchez
22 Julio Baldiviezo
18 William Ramallo (Á. Peña, 71′)
10 Marco Etcheverry (J. Peña, 41′)
Coach: Carlos Alberto Parreira Coach: Xabier Azkargorta
Mc At 15 Palhinha, aos 10’/2º
16 Evair, aos 26’/2º
Df
At
17 Juan Manuel Peña, aos 41’/1º
02 Alvaro Peña, aos 26’/2º
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
5 x 0 1 x 0 6 x 0
.:: Observações ::.



Jogo válido pela Eliminatórias para a Copa do Mundo de 1994, nos Estados Unidos;
Brasil: Camisa Amarela, Calção Azul e Meias Brancos;
Bolivia: Camisa Verde Calção Branco e Meias Brancas;
Assisti esse jogo, ao vivo pela TV Verdes Mares, canal 10, de Fortaleza/CE;
Parreira: | 30 Jogos | 16 Vitórias | 10 Empates | 4 Derrotas | 61 Gols Pró | 26 Gols Contra
Tabela de Classificação
Tabela de Classificação do Grupo do Brail
Times (Técnico) Pts Jgs Vit Emp Der GP GC S
Bolivia (Xabier Azkargorta) 10 6 5 0 1 20 8 12
Brasil (Carlos Alberto Parreira) 8 6 3 2 1 14 4 10
Uruguai (Luis Cubilla) 6 5 2 2 1 7 4 3
Equador (Dušan Draškovic) 4 5 1 2 2 5 3 2
Venezuela (Ratomir Dujkovic) 0 6 0 0 6 2 29 -27
# Regulamento: Os dois melhores classificam-se para a Copa do Mundo dos Estados Unidos;

.:: Galeria de Imagens ::.
Confira os melhores monetos da vitória brasileira no Morumbi;
Credito: www.youtube.com/eliminatórias

.:: Seleção Brasileira – Brazilian National Team ::.
Todos os jogos do Brasil nas copas do mundo aqui.


Porque Deus amou o mundo de tal maneira, que deu seu Filho unigênito, para que todo aquele que Nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna. (João 3.16)


For God so loved the world, that he gave his only begotten Son, that whosoever believeth in him should not perish, but have everlasting life. (John, 3:16)

22/08/1993 – Brasil 2 x 0 Equador

Mauro Silva disputa a jogada com um zagueiro equatoriano na vitória brasileira;
Credito: gazetapress.com/
Ficha Tecnica
Brasil 2 x 0 Equador
1994 FIFA World Cup Qualification
Ficha Técnica







Competição (Tournament): Eliminatórias da Copa do Mundo – Grupo B – 5ª Rodada
Data (Date): Domingo, 22 de Agosto de 1993, as 17:00 hs (de Brasilia)
Estádio (Stadium): São Paulo FC – Cícero Pomepeu de Toledo “Morumbi”, São Paulo/SP
Público (Attendance): 77.916 pagantes – Renda: Cr$ 75.579.600,00
Árbitro (Referee): José Torres Cadena (Colômbia / COL)
Assistente 1 (Assistant Referee 1): Dember Perdomo (Colômbia / COL)
Assistente 2 (Assistant Referee 2): Rubén Sánchez (Colômbia / COL)
Quarto Árbitro (Fourth Oficial): Sem Registro (no Registry)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Márcio Santos, aos 22’/2º Nixon Carcelén, aos 12’/1º
Iván HUrtado, aos 30’/1º
Gols | Goals | Goles Gols | Goals | Goles
1-0 Bebeto, ais 33’/1º
2-0 Dunga, aos 8’/2º
Brasil – Brazil Equador – Ecuador
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
At
At
At
01 Cláudio Taffarel
02 Jorginho
03 Márcio Santos
04 Ricardo Gomes
06 Branco (Cafu, 75′)
05 Mauro Silva ©
08 Dunga
10 Raí © (Palhinha, 81′)
11 Zinho
07 Bebeto
09 Müller
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Jacinto Espinoza
18 Dannes Coronel
17 Iván Hurtado ©
13 Maximo Tenorio
06 Luis Capurro
08 Nixon Carcelén
05 Héctor Carabalí
16 Kleber Chalá
11 Ángel Fernández (Gavica, 78′)
07 Carlos Muñoz (Avilés, 64′)
09 Eduardo Hurtado
Coach: Carlos Alberto Parreira Coach: Dušan Draškovic
Df
Mc
13 Cafu, aos 30’/2º
15 Palhinha, aos 36’/2º
At
Mc
20 Raúl Avilés, aos 19’/2º
15 José Gavica, aos 33’/2º
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
1 x 0 1 x 0 2 x 0
.:: Observações ::.



Jogo válido pela Eliminatórias para a Copa do Mundo de 1994, nos Estados Unidos;
Brasil: Camisa Amarela, Calção Azul e Meias Brancos;
Equador: Camisa Branca, Calção Azul e Meias Azuis;
Assisti esse jogo, ao vivo pela TV Verdes Mares, canal 10, de Fortaleza/CE;
Parreira: | 29 Jogos | 15 Vitórias | 10 Empates | 4 Derrotas | 55 Gols Pró | 26 Gols Contra
Tabela de Classificação
Tabela de Classificação do Grupo do Brail
Times (Técnico) Pts Jgs Vit Emp Der GP GC S
Bolivia (Xabier Azkargorta) 8 4 4 0 0 17 1 6
Brasil (Carlos Alberto Parreira) 6 5 2 2 1 8 4 4
Uruguai (Luis Cubilla) 4 3 1 2 0 2 1 1
Equador (Dušan Draškovic) 2 4 0 2 2 0 3 -3
Venezuela (Ratomir Dujkovic) 0 4 0 0 4 2 20 -18
# Regulamento: Os dois melhores classificam-se para a Copa do Mundo dos Estados Unidos;
.:: Galeria de Imagens ::.
Em pé da Esquerda para a Direita: Raí, Jorginho, Mauro Silva, Branco, Márcio Santos, Zinho, Müller, Bebeto, Ricardo Gomes, Taffarel e Dunga; Na hora do hino nacional;
Credito: gazetapress.com/
Confira os melhores monetos da vitória brasileira no Morumbi;
Credito: www.youtube.com/eliminatórias

.:: Seleção Brasileira – Brazilian National Team ::.
Todos os jogos do Brasil nas copas do mundo aqui.


Porque Deus amou o mundo de tal maneira, que deu seu Filho unigênito, para que todo aquele que Nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna. (João 3.16)


For God so loved the world, that he gave his only begotten Son, that whosoever believeth in him should not perish, but have everlasting life. (John, 3:16)