Archive for the ‘vs Spain Men’s’ Category

30/06/2013 – Brasil 3 x 0 Espanha

Neymar abre o placar no show de bola do Brasil contra a Espanha no Maracanã;
Crédito: www.fifa.com/Getty-Images
Ficha Tecnica
Brasil 3 x 0 Espanha
FIFA Confederations Cup – Brazil 2013
Ficha Técnica
• Competição (Tournament): Copa das Confederações de 2013 – Final
• Data (Date): Domingo. 30 de Junho de 2012, às 19:00 hs (de Brasília) 23:00 Espanha
• Estádio (Stadium): Mário Filho “Arena Maracanã”, no Rio de Janeiro/RJ (BRA)
• Público (Attendance): 73.531 expectadores pagantes – Renda: Sem Registro
• Árbitro (Referee): Björn Kuipers (Holanda / Netherlands)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Sander van Roekel (Holanda / Netherlands)
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Erwin Zeinstra (Holanda / Netherlands)
• Quarto Árbitro (Fourth Official): Felix Brych (Alemanha / Germany)
• Quinto Árbitro (Fifth Official): Mark Borsch (Alemanha / Germany)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Alvaro Arbeloa, aos 15’/1º
Sergio Ramos, aos 28’/1º
Gerard Piqué, aos 22’/2º
Gols | Goals | Goles Gols | Goals | Goles
1-0 Fred, aos 1′,53″/1º
2-0 Neymar Júnior, aos 43’/1º
3-0 Fred, aos 1′,43″/2º
Brasil – Brazil Espanha – Spain
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
At
At
At
12 Júlio César
02 Daniel Alves
03 Thiago Silva ©
04 David Luiz
06 Marcelo
17 Luiz Gustavo
18 Paulinho (Hernanes)
11 Oscar
19 Hulk (Jádson)
10 Neymar Júnior
09 Fred (Jô)
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
At
At
At
01 Iker Casillas ©
17 Alvaro Arbeloa (Azpilicueta)
03 Gerard Piqué [Expulso]
15 Sertgio Ramos
18 Jordi Alba
16 Sergio Busquets
08 Xavi Hernández
06 Andrés Iniesta
11 Pedro Rodríguez
13 Juan Mata (Jesús Navas)
09 Fernando Torres (David Villa)
Coach: Luiz Felipe Scolari Couch: Vicente del Bosque
Go
Go
Ld
Za
Za
Le
Mv
Mv
Ma
Ma
At
At
01 Jéfferson
22 Diego Cavalieri
13 Jean Ferreira
15 Dante
16 Réver
14 Filipe Luis
05 Fernando Martins
08 Hernanes, aos 42’/2º
07 Lucas Moura
23 Jádson, aos 27’/2º
20 Bernard
21 Jô, aos 34’/2º
Go
Go
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
23 Pepe Reina
12 Víctor Valdés
02 Raúl Albiol
05 César Azpilicueta, no Intervalo
19 Nacho Monreal
04 Javi Martínez
10 Cesc Fàbregas
20 Santi Cazorla
21 David Silva
22 Jesús Navas. aos 7’/2º
07 David Villa, aos 13’/2º
14 Roberto Soldado
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
2 x 0 1 x 0 3 x 0
→ Com esse resultado o Brasil sagrou-se campeão da competição pela 4ª vez;
→ O zagueiro Sergio Ramos chutou um pênalti pra fora aos 9 minutos do 2º tempo;
→ Júlio César tornou-se bicampeão da Copa das Confederações (2009 e 2013);
→ A Espanha perdeu uma invencibilidade de 29 jogos oficiais, sendo 26 consecutivas.
→ O Cara do Jogo (Man of the Match): Neymar Júnior, atacante, do Brasil;
→ Fred foi o artilheiro fa cometição junto com Fernando Torres, ambos com 5 gols;
→ Jogadores Brasileiros Premiados: Fred (Chuteira de Prata); Neymar (Chuteira de Bronze) e (Bola de Ouro); Paulinho (Bola de Bronze); Júlio César (Luva de Ouro);
→ Brasil: Camisa Amarela, Calção Branco e Meias Brancas (Nike);
→ Espanha: Camisa Vermelha, Calção Azul e Meias Vermelhas (Adidas);
→ Tempo de Jogo: 18:58 hs – 19:46 hs – Half Time – 20:02 hs – 20:49 hs (de Brasília);
→ Felipão: 12 Jogos 7 Vitórias 4 Empates 1 Derrota 29 Gols Marcados 12 Gols Sofridos;
→ Assisti esse jogo, ao vivo, pela TV Verdes Mares, canal 10, afiliada da Globo;
→ Elenco do Brasil no Torneio: www.jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com/elencos
→ Brazil National Team Player List: www.jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com/squads
→ Próximo Jogo: 14/08 – Amistoso – Suíça x Brasil, estádio St. Jakob-Park, em Basel/SUI;

.:: Galeria de Imagens ::.
O capitão Thiago Silva ergue a taça de campeão da Copa das Confederações;
Crédito: www.zimbio.com/Laurence-Griffiths/Getty-Images
Em Pé: Paulinho, David Luiz, Júlio César, Fred e Thiago Silva (capitão);
Agachados: Neymar, Daniel Alves, Oscar, Marcelo, Hulk e Luiz Gustavo;
Crédito: www.zimbio.com/Laurence-Griffiths/Getty-Images
Em Pé: Casillas (capitão), Sergio Ramos, Arbeloa, Busquets, Piqué e Fernando Torres;
Agachados: Pedro, Juan Mata, André Iniesta, Xavi Hernández e Jordi Alba;
Crédito: www.zimbio.com/Jasper-Juinen/Getty-Images
Jogadores e comissão técnica comemoram a conquista no grama do Maracanã;
Crédito: www.zimbio.com/Scott-Heavey/Getty-Images
Paulinho, Bola de Bronze, Neymar, Bola de Ouro e Andrés Iniesta, Bola de Prata;
Crédito: www.fifa.com/Getty-Images
Fred, Chuteira de Prata, Fernando Torres, Chuteira de Ouro e Neymar, Chuteira de Bronze;
Crédito: www.fifa.com/Getty-Images

.:: Os Times – The Teams – Las Equipos ::.
Brasil – Brazil Espanha – Spain
Go
Go
Go
Ld
Ld
Za
Za
Za
Za
Le
Le
Mv
Mv
Mv
Mv
Ma
Ma
Ma
At
At
At
At
At
1 Jéfferson (Botafogo Futebol e Regatas)
12 Júlio César (Queens Park Rangers)
22 Cavalieri (Fluminense Football Club)
2 Daniel Alves (FC Barcelona)
15 Jean (Fluminense Football Club)
3 Thiago Silva (Paris Saint-Gernain)
4 David Luiz (Chelsea FC)
13 Dante (FC Bayern München)
16 Réver (Clube Atlético Mineiro)
6 Marcelo (Real Madrid CF)
14 Filipe Luis (Atletico Madrid)
5 Fernando Martins (Grêmio FBPA)
8 Hernanes (SS Lazio)
17 Luiz Gustavo (FC Bayern München)
18 Paulinho (SC Corinthians Paulista)
11 Oscar (Chelsea FC)
23 Jádson (São Paulo Futebo Clube)
7 Lucas Moura (Paris Saint-Gernain)
9 Fred (Fluminense Football Club)
10 Neymar (Santos Futebo Clube)
19 Hulk (FC Zenit st. Pertersburg)
20 Bernard (Clube Atlético Mineiro)
21 Jô (Clube Atlético Mineiro)
Go
Go
Go
Df
Df
Df
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
At
At
1 Iker Casillas (Real Madrid CF)
12 Víctor Valdés (FC Barcelona)
23 Pepe Reina (SSC Napoli ITA)
2 Raúl Albiol (Real Madrid CF)
3 Gerard Piqué (FC Barcelona)
5 César Azpilicueta (FC Chelsea ING)
15 Sergio Ramos (Real Madrid CF)
17 Arbeloa (Real Madrid CF)
18 Jordi Alba (FC Barcelona)
19 Nacho Monreal (FC Arsenal ING)
4 Javi Martínez (Bayern München ALE)
6 Andrés Iniesta (FC Barcelona)
8 Xavi Hernández (FC Barcelona)
10 Cesc Fàbregas (FC Barcelona)
13 Juan Mata (FC Chelsea ING)
16 Sergio Busquets (FC Barcelona)
20 Santi Cazorla (FC Arsenal FC)
21 David Silva (FC Manchester City ING)
22 Jesús Navas (FC Manchester City ING)
7 David Villa (Atlético Madrid)
9 Fernando Torres (FC Chelsea ING)
11 Pedro Rodríguez (FC Barcelona)
14 Roberto Soldado (Valencia CF)
Luiz Felipe Scolari Vicente del Bosque González
# Convocação da Seleção: jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com/convocações
# Links Externos (External Links): www.wikipedia.org/2013/FIFA-Confederations-Cup/squads

.:: Deixe um Comentário ::.
Se você gostou desse post ou do site indique para seus amigo.
Deixe uma crítica ou uma sugestão.

Anúncios

13/11/1999 – Espanha 0 x 0 Brasil

Émerson disputa a jogada com Fernando Morientes no empate em Vigo;
Crédito: www.gettyimages.com/Ben-Radford/Allsports
Ficha Tecnica
Espanha 0 x 0 Brasil
International Friendly: Spain 0 – Brazil
Ficha Técnica
• Competição (Tournament): Amistoso Oficial (Official Friendly)
• Data (Date): Segunda-Feira, 13 de Novembro de 1999
• Estádio (Stadium): Municipal de Balaídos, Lleno, em Vigo (Espanha / Spain)
• Público (Attendance): cerca de 31.000 expectadores
• Árbitro (Referee): René Temmink (Holanda / Netherlands)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Sem Registro (No Registry)
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Sem Registro (No Registry)
• Quarto Árbitro (Fourth Oficial): Sem Registro (No Registry)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Paco, aos 22’/2º Cafu, aos 42’/1º
Rivaldo, aos 35’/2º
Émerson, aos 42’/2º
Espanha – Spain Brasil – Brazil
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Molina
02 Míchel Salgado
05 Abelardo
06 Paco
03 Sergi
04 Pep Guardiola
08 Luis Enrique © (Mendieta)
07 Joseba Etxeberría (Munitis)
11 Juan Valerón (Engonga)
10 Raúl (Pérez)
09 Fernando Morientes (Urzaiz)
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Marcos Reis
02 Cafu ©
03 Antônio Carlos
04 Aldair
06 Roberto Carlos
05 Émerson Rosa
08 Marcos Assunção
10 Rivaldo (Zé Elias)
11 Zé Roberto (Giovanni)
09 Soni Ânderson (Jardel)
07 Giovane Élber
Coach: José Antonio Camacho Coach: Candinho
Mc
At
At
Mc
At
Ismael Urzaiz, aos 22’/2º
Pedro Munitis, aos 22’/2º
Vicente Engonga, aos 22’/2º
Gaizka Mendieta, aos 35’/2º
Alfonso Pérez, aos 41’/2º
18
17
16
Mário Jardel, aos 20’/2º
Giovanni Oliveira, aos 25’/2º
Zé Elias, aos 43’/2º
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
0 x 0 0 x 0 0 x 0


.



Este jogo fez parta das comemorações do 100 anos da Federação Espanhola de Futebol;
Candinho dirigiu a seleção brasileira no lugar de Vanderlei Luxemburgo que foi disputar dois amistosos com a seleção olimpica contra a Austrália. Dias 14 e 17 de novembro;
Estreantes na Seleção Brasileira: o goleiro Marcos e o técnico Candinho;
Brasil: Camisa Amarela, Calção Azul e Meias Brancas (Nike);
Espanha: Camisa Vermelha, Calção e Meias Azul-Marinho;
Assisti esse jogo, ao vivo, pela TV Verdes Mares, canal 10, afiliada da Globo;

.:: Galeria de Imagens ::.
Em pé: Antônio Carlos, Marcos, Émerson, Aldair, Rivaldo e Cafu (capitão);
Agachados: Zé Roberto, Sonny Ânderson, Roberto Carlos, Élber e Marcos Assunção;
Crédito: associacaoportuguesadesportos.blogspot.com.br/virgula.uol.com.br
Em pé: Molina, Abelardo, Luis Enrique, Paco, Pep Guardiola e Juan Carlos Valerón;
Agachados: Michel Salgado, Sergi, Raul, Etxeberria e Fernando Morientes
Crédito: virgula.uol.com.br/gettyimages/Ben Radford /Allsport

Real Federación Española de Fútbol (RFEF)
# Nome Completo Alcunha Clube Jg
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
José Francisco Molina Jiménez
Miguel Ángel Salgado Fernández
Francisco Jémez Martín
Abelardo Fernández Antuña
Sergi Barjuan Esclusa
Josep Guardiola i Sala
Joseba Etxeberria Lizardi
Juan Carlos Valerón Santana
Luis Enrique Martínez García
Raúl González Blanco
Fernando Morientes Sánchez
Vicente Engonga Maté
Ismael Urzaiz Aranda
Pedro Manuel Munitis Álvarez
Gaizka Mendieta Zabala
Alfonso Pérez Muñoz
José Molina
Míchel Salgado
Paco
Abelardo
Sergi
Guardiola
Joseba Etxeberría
Juan valerón
Luis Enrique
Raúl
Fernando Morientes
Vicente Engonga
Ismael Ursaiz
Pedro Munitis
Gaizka Mendieta
Alfonso Pérez
Club Atlético de Madrid
Real Madrid C.F., Madrid
Real Zaragoza S.A.D.
F.C. Barcelona, Barcelona
F.C. Barcelona, Barcelona
F.C. Barcelona, Barcelona
Athletic Club, Bilbao
Club Atlético de Madrid
F.C. Barcelona, Barcelona
Real Madrid C.F., Madrid
Real Madrid C.F., Madrid
R.C.D. Mallorca, Palma
Athletic Club, Bilbao
Racing Santander S.A.D.
Valencia C.F. S.A.D.
Real Betis Balompié S.A.D.
3
12
8
42
44
31
20
6
48
28
11
8
11
6
8
30
# José Antonio Camacho Alfaro José Antonio Camacho 08/06/1955, Madrid, Espanha 12
# Links Externos (External Links): www.eu-football.info/jogos-contra-times-europeus

.:: Deixe um Comentário ::.
Se você gostou desse post ou do site indique para seus amigo.
Deixe uma crítica ou uma sugestão.

12/09/1990 – Espanha 3 x 0 Brasil

Este jogo marcou a estréia de paulo Roberto Falcão no comando da seleção brasileira;
Crédito: www.gazetapress.com
Ficha Tecnica
Espanha 3 x 0 Brasil
International Friendly: Spain 3 – 0 Brazil
Ficha Técnica
• Competição (Tournament): Amistoso Oficial (Friendly)
• Data (Date): Quarta-Feira, 12 de Setembro de 1990
• Estádio (Stadium): Municipal El Molinón, Gijón, Astúrias (Espanha / Spain)
• Público (Attendance): 42.000 expectadores presentes
• Árbitro (Referee): Pietro D’Elia (Itália / Italy)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Sem Registro (No Registry)
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Sem Registro (No Registry)
• Quarto Árbitro (Fourth Official): Sem Registro (No Registry)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Gil Baiano
Gols | Goals | Goles Gols | Goals | Goles
1-0 Carlos, aos 9’/1º
2-0 Fernando, aos 18’/2º
3-0 Michel, aos 44’/2º
Espanha – Spain Brasil – Brazil
GO
DF
DF
DF
DF
MC
MC
MC
MC
AT
AT
Andoni Zubizarreta (Juan Ablanedo)
Sanchís
Serna
Nando Muñoz
Andoni Goikoetxea
Roberto (Rafael Alkorta)
Michel
Rafa Paz (Bango)
Fernando
Emilio Butragueño © (Manolo)
Carlos (Eloy Olaya)
GO
DF
DF
DF
DF
MC
MC
MC
MC
AT
AT
01 Velloso
02 Gil Baiano
03 Paulão
04 Márcio Santos
06 Nelsinho
05 Moacir
07 Cafu (Paulo Egídio)
08 Donizete Oliveira
10 Neto ©
09 Charles Baiano (Jorginho)
11 Nilson
Coach: Luis Suárez Coach: Falcão
Mc
At
Df
Mc
Go
Bango, no Intervalo
Manolo, no Intervalo
Rafael Alkorta, aos 20’/2º
Eloy Olaya, aos 25’/2º
Juan Carlos Ablanedo, aos 26’/2º
18
15
Paulo Egídio, aos 26’/2º
Jorginho Silva, aos 26’/2º
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
1 x 0 2 x 0 3 x 0
→ Jogo de preparação do Brasil visando a Copa América de 1991;
→ Este foi o primeiro jogo da seleção brasileira após a eliminação na Copa do Mundo de 1990;
→ Este jogo marcou a estréia de paulo Roberto Falcão no comando da seleção brasileira;
→ Este jogo fez parta das comemoração dos 75 anos da Federação Asturiana de Futebol;
→ Brasil: Camisa Azul, Calção Branco e Meias Azuis (Topper);
→ Espanha: Camisa Vermelha, Calção Azul-Marinho e Meias Pretas;
→ Estreantes na Seleção Brasileira: Velloso, Gil Baiano, Paulão, Márcio Santos, Moacir, Cafu, Donizete Oliveira, Paulo Egídio, JOrginho e Paulo Roberto Falcão;
→ Assisti esse jogo, ao vivo, pela TV Verdes Mares, canal 10, afiliada da Globo;

.:: Galeria de Imagens ::.
Em pé da Esquerda para a Direita: Neto (capitão), Donizete Oliveira, Velloso, Moacir, Charles Baiano, Nilson, Gil Baiano, Cafu, Paulão, Márcio Santos e Nelsinho;
Crédito: www.terceirotempo.bol.uol.com.br

Real Federación Española de Fútbol (RFEF)
# Nome Completo Alcunha Clube Jgs
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
Andoni Zubizarreta Urreta
Manuel Sanchís Hontiyuelo
Ricardo Jesús Serna Orozco
Fernando Muñoz García
Ion Andoni Goikoetxea Lasa
Roberto Fernández Bonillo
José Miguel González Martín del Campo
Rafael Paz Marín
Fernando Gómez Colomer
Emilio Butragueño Santos
Carlos Antonio Muñoz Cobo
Ricardo González Bango
Manuel Sánchez Delgado
Rafael Alkorta Martínez
Eloy José Olaya Prendes
Juan Carlos Ablanedo Iglesias
Andoni Zubizarreta
Sanchís
Serna
Nando Muñoz
Andoni Goikoetxea
Roberto
Michel
Rafa Paz
Fernando
Emilio Butragueño
Carlos
Bango
Manolo
Rafael Alkorta
Eloy Olaya
Juan Ablanedo
F.C. Barcelona, Barcelona
Real Madrid C.F., Madrid
F.C. Barcelona, Barcelona
F.C. Barcelona, Barcelona
F.C. Barcelona, Barcelona
Valencia C.F., Valencia
Real Madrid C.F., Madrid
Sevilla F.C., Sevilla
Valencia C.F., Valencia
Real Madrid C.F., Madrid
Real Oviedo C.F., Oviedo
Real Oviedo C.F., Oviedo
Club Atlético, Madrid
Athletic Club, Bilbao
Valencia C.F., Valencia
Real Sporting de Gijón
54
35
4
1
1
27
49
6
4
54
1
1
15
3
15
3
# Luis Suárez Miramontes Luis Suárez 2 de Maio de 1935, La Coruña 20
# Links Externos (External Links): www.eu-football.info

.:: Deixe um Comentário ::.
Se você gostou desse post ou do site indique para seus amigo.
Deixe uma crítica ou uma sugestão.

01/06/1986 – Brasil 1 x 0 Espanha

Sócrates disputa jogada com Butragueño na estréia na copa do mundo;
Crédit: www.gettyimages.ae/Bob-Thomas
Ficha Tecnica – Match Report
Espanha 0 x 1 Brasil
FIFA World Cup – Mexico 1986
Ficha Técnica







Competição (Tournament): Copa do Mundo de 1986 – Grupo D – 1ª Rodada
Data (Date): Domingo, 1 de Junho de 1990, as 12:00 hs – TV10
Estádio (Stadium): Jalisco, em Guadalajara (México / Mexico)
Público (Attendance): 35.748 expectadores pagantes
Árbitro (Referee): Chris Bambridge (Austrália / Australia)
Assistente 1 (Assistant Referee 1): David Socha (Estados Unidos / USA)
Assistente 2 (Assistant Referee 2): Jan Keizer (Holanda / Netherlands)
Quarto Árbitro (Fourth Oficial): Sem Registro (No Registry)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
4′ Julio Alberto 82′ Branco
Gols | Goals | Goles Gols | Goals | Goles
1-0 Sócrates, aos 16’/2º (Cabeça)
Espanha – Spain Brasil – Brazil
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Andoni Zubizarreta
02 Tomás
04 Antonio Maceda
08 Andoni Goikoetchea
03 José Antonio Camacho ©
21 Michel
05 Victor Muñoz,
17 Francusco Lopez (Señor, 82′)
11 Julio Alberto
09 Emilio Butragueño
19 Julio Salinas
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Carlos
02 Édson Boaro
14 Júlio César
04 Edinho ©
17 Branco
15 Alemão
19 Elzo
06 Júnior (Falcão, 78′)
18 Sócrates
09 Careca
08 Casagrande (Müller, 65′)
Coach: Miguel Muñoz Coach: Telê Santana
06
07
10
12
13
14
15
16
18
20
22
Rafael Gordillo
Juan Antonio Señor, aos 37’/2º
Francisco José Carrasco
Quique Setién
Urruti (gk)
Ricardo Gallego
Chendo
Hipólito Rincón
Ramón Calderé
Eloy
Juan Carlos Ablanedo (gk)
03
05
07
10
11
12
13
16
20
21
22
Oscar
Paulo Roberto Falcão, aos 33’/2º
Müller, aos 20’/2º
Zico
Edivaldo
Paulo Vítor (gk)
Josimar
Mauro Galvão
Silas ereira
Valdo
Émerson Leão (gk)
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
0 x 0 0 x 1 0 x 1
→ 13ª edição da Copa do Mundo Fifa. Pela segunda vez realizada no México;
→ GAFE: Quando os times estavam perfilados para ouvirem os hinos nacionais em vez de tocarem o Hino Nacional do Brasil tocaram foi o Hino da Bandeira do Brasil. Uma vergonha!
→ No outro jogo: 03/06 – Tres de Marzo, Guadalajara – Argélia 1 x 1 Irlanda do Norte.
→ Houve um gol legítimo da Espanha marcado por Michel não assinalado pela arbitragem. Michel chutou, de fora da área, a bola bateu na trave e dentro do gol.
→ Uniforme Brasil: Camisa Amarela, Calção Branco e Meias Brancas (Topper);
→ Uniforme Espanha: Camisa Vermelha, Calção Azul-Marinho e Meias Pretas.
→ No Outro Jogo do Grupo: Argélia 1 x 1 Irlada do Norte, Estadio Tres de Marzo, Zapopan;
→ Assisti esse jogo, ao vivo, pela TV Verdes Mares canal 10;
→ Elenco do Brasil na Copa: www.jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com/elenco
→ Campanha do Brasil na Copa: www.jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com/1986
Tabela de Classificação do Grupo do Brasil
Times (Técnico) Pts Jgs Vit Emp Der GP GC S
. Brasil (Telê Santana) 2 1 1 0 0 1 0 1
. Argélia (Rabah Saâdane) 1 1 0 1 0 1 1 0
. Irlanda do Norte (Billy Bingham) 1 1 0 1 0 1 1 0
. Espanha (Miguel Muñoz) 0 1 0 0 1 0 1 -1
# Regulamento: Os dois melhores colocados classificam-se para as Oitavas de Final;

Próximo Jogo – Next Game
Brasil (Brazil) v (Algeria) Argélia
Estádio (Stadium): Jalisco, Guadalajara
Ficha do Jogo Link Match Report

.:: Galeria de Imagens ::.
Em pé: Carlos, Sócrates, Júlio César, Edinho, Elzo e Branco;
Agachados: Júnior, Careca, Alemão, Édson Boaro e Casagrande;
Crédit: www.gettyimages.no/Bob-Thomas
Em pé: Maceda, Zubizarreta, Michel, Goikoetxea, Julio Alberto e Camacho;
Agachados: Butragueño, Victor, Julio Salinas, Tomás e Francisco;
Crédit: www.juhatamminen.photoshelter.com
Momento em que Sócrates marca o gol da vitória do brasil contra os espanhois;
Crédit: uolesporte.blogosfera.uol.com.br

.:: Os Times – The Teams – Las Equipos ::.
Brasil (Brazil) Espanha (Spain)
Go
Go
Go
Df
Df
Df
Df
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
At
At
01 Carlos
12 Paulo Vitor
22 Leão
02 Édson
03 Oscar
04 Edinho
06 Júnior
13 Josimar
14 Júlio César
16 Mauro Galvão
17 Branco
05 Falcão
10 Zico
15 Alemão
18 Sócrates
19 Elzo
20 Silas
21 Valdo
07 Müller
08 Casagrande
09 Careca
11 Edivaldo
SC Corinthians (SP)
Fluminense FC (RJ)
SE Palmeiras (SP)
SC Corinthians (SP)
São Paulo FC (SP)
Udinese Calcio (ITA)
FC Torino (ITA)
Botafogo FR (RJ)
Guarani FC (SP)
SC Internacional (RS)
Fluminense FC (RJ)
São Paulo FC (SP)
CR Flamengo (RJ)
Botafogo FR (RJ)
CR Flamengo (RJ)
Atlético Mineiro (MG)
São Paulo FC (SP)
Grêmio FBPA (RS)
São Paulo FC (SP)
SC Corinthians (SP)
São Paulo FC (SP)
Atlético Mineiro (MG)
Go
Go
Go
Df
Df
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
At
At
At
At
01 Andoni Zubizarreta
13 Urruti
22 Juan Ablanedo
02 Tomás
03 José Camacho
04 Antonio Maceda
05 Víctor
08 Andoni Goikoetchea
15 Chendo
06 Rafael Gordillo
07 Juan Antonio Señor
11 Julio Alberto
14 Ricardo Gallego
17 Francisco
18 Ramón Calderé
21 Míchel
09 Emilio Butragueño
10 José Carrasco
12 Quique Setién
16 Hipólito Rincón
19 Julio Salinas
20 Eloy
Athletic Bilbao
FC Barcelona
Sporting Gijón
Atlético Madrid
Real Madrid CF
Real Madrid CF
FC Barcelona
Athletic Bilbao
Real Madrid CF
Real Madrid CF
Real Zaragoza
FC Barcelona
Real Madrid CF
Sevilla Fútbol Club
FC Barcelona
Real Madrid CF
Real Madrid CF
FC Barcelona
Real Madrid CF
Real Betis Balompié
Athletic Bilbao
Sporting Gijón
Coach: Telê Santana da Silva Coach: Miguel Muñoz Mozún

.:: Deixe um Comentário ::.
Se você gostou desse post ou do site indique para seus amigo.
Deixe uma crítica ou uma sugestão.

08/07/1981 – Brasil 1 x 0 Espanha

Perivaldo disputa jogada com Juanito na vitória contra a Espanha em Salvador;
Crédito: soccernostalgia.blogspot.com.br
Ficha Tecnica
Brasil 1 x 0 Espanha
International Friendly: Brazil 1 – 0 Spain
Ficha Técnica







Competição (Tournament): Amistoso Oficial (Friendly)
Data (Date): Quarta-Feira, 8 de Julho de 1981
Estádio (Stadium): Octávio Mangabeira “Fonte Nova”, Salvador/BA
Público (Attendance): 74.089 expectadores presentes
Árbitro (Referee): Clive Bradley White (Inglaterra / England)
Assistente 1 (Assistant Referee 1): Michel Valtrot (França / France)
Assistente 2 (Assistant Referee 2): Gerd Henning (Alemanha / West Germany)
Quarto Árbitro (Fourth Official): Sem Registro (No Registry)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Nenhum (none) Nenhum (none)
Gols | Goals | Goles Gols | Goals | Goles
1-0 Baltazar, aos 2’/2º (Cabeça)
Brasil – Brazil Espanha – Spain
GO
DF
DF
DF
DF
MC
MC
MC
AT
AT
AT
01 Waldir Peres (Carlos)
02 Getúlio (Perivaldo)
03 Juninho
04 Luizinho (Edinho)
06 Leovegildo Júnior
05 Toninho Cerezo
08 Sócrates ©
10 Zico
07 Paulo Isisdoro
09 Baltazar
11 Éder Aleixo
GO
DF
DF
DF
DF
MC
MC
MC
MC
AT
AT
01 Luis Arconada ©
02 José Camacho
05 Miguel Tendillo
06 José Alexanko
03 Rafael Gordillo
08 Joaquín
11 Tente Sánchez
04 Perico Alonso
10 Jesús Zamora
07 Juanito
09 Jesús Satrústegui (Santillana)
Coach: Telê Santana Coach: José Santamaria
13
14
22
Perivaldo, no Intervalo
Edinho, aos 28’/2º
Carlos Gallo, aos 35’/2º
19 Santillana, no Intervalo
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
0 x 0 1 x 0 1 x 0
→ Jogo de preparação do Brasil visando a Copa do Mundo de 1982;
→ Brasil: Camisa Amarela, Calção Azul e Meias Brancas (Topper);
→ Espanha: Camisa Vermelha, Calção Azul-Marinho e Meias Pretas (Adidas);
→ Estreantes na Seleção Brasileira: Perivaldo Lúcio Dantas;
→ Próximo Jogo: 26/08 – Chile x Brasil, Estádio Nacional, Santiago (CHI); (Ficha do Jogo)

.:: Galeria de Imagens ::.
Em pé: Camacho, Joaquín, Tendillo, Gordillo, Alexando e Arconada;
Agachados: Juanito, Alonso, Satrústeguí, Zamora e Sánchez; @pnlopes
Crédito: soccernostalgia.blogspot.com.br
Confira o gol de Baltazar que deu a vitória ao Brasil contra a Espanha;
Crédito: www.youtube.com

Real Federación Española de Fútbol (RFEF)
# Nome Completo Alcunha Clube Jgs
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
Luis Maria Arconada Echarri
Francisco Javier Gonzalez Urruticoechea
Jose Antonio Camacho Alfaro
Miguel Tendillo Belenguer
Gerardo Miranda Concepcion
Jose Ramon Alexanco Ventosa
Jose Vicente Sánchez Felip
Manuel Jiménez Jiménez
Antonio Maceda Frances
Victor Muñoz Manrique
Rafael Gordillo Vazquez
Secundio Suarez Álvarez
Joaquin Alonso González
Marcos Alonso Pena
Enrique Ramos Gonzalez
Miguel Ángel Alonso Oyarbide
Jesus Maria Zamora Ansorena
Jesus Maria Satrustegui Azpiroz
Enrique Moran Blanco
Juan Gomez Gonzalez
Carlos Alonso Gonzalez
Enrique Montero Rodriguez
Arconada
Urruticoechea
Camacho
Tendillo
Gerardo
Alexanco
Sánchez
Jimenez
Maceda
Victor
Gordillo
Cundi
Joaquín
Marcos
Quique Ramos
Perico Alonso
Zamora
Satrustegui
Morán
Juanito
Santillana
Montero
Real Sociedad de Fútbol
Real Club Deportivo Espanyol
Real Madrid Club de Fútbol
Valencia Club de Fútbol
Union Deportivo Las Palmas
Fútbol Club Barcelona
Fútbol Club Barcelona
Real Sporting de Gijón
Real Sporting de Gijón
Real Zaragoza
Real Betis Balompié-Sevilla
Real Sporting de Gijón
Real Sporting de Gijón
Club Atlético de Madrid
Club Atletico de Madrid
Real Sociedad de Fútbol
Real Sociedad de Fútbol
Real Sociedad de Fútbol
Real Betis Balompié
Real Madrid Club de Fútbol
Real Madrid Club de Fútbol
Sevilla Fútbol Club
32

22
14

22
5



22

12


9
21
21

29
30
# José Emilio Santamaria Iglesias José Santamaria 31.07.1929, Montevideu, URU 11
# Links Externos (External Links): www.eu-football.info

.:: Deixe um Comentário ::.
Se você gostou desse post ou do site indique para seus amigo.
Deixe uma crítica ou uma sugestão.

07/06/1978 – Brasil 0 x 0 Espanha

Reinaldo tenta entra na área da Espanha no segundo empate do Brasil;
Crédito: www.alamy.com
Ficha Tecnica
Brasil 0 x 0 Espanha
FIFA World Cup 1978 Argentina: Brazil 0 – 0 Spain
Ficha Técnica







Competição (Tournament): Copa do Mundo de 1978 – 1ª Fase – Grupo 3 – 2ª Rodada
Data (Date): Quarta-Feira, 7 de Junho de 1978, as 13:45 hs (Local)
Estádio (Stadium): José Maria Minella, em Mar del Plata (Argentina)
Público (Attendance): 34.771 expectadores pagantes
Árbitro (Referee): Sergio Gonella (Itália / Italy)
Assistente 1 (Assistant Referee 1): Abraham Klein (Israel / ISR)
Assistente 2 (Assistant Referee 2): Arturo Andres Ithurralde (Argentina)
Quarto Árbitro (Fourth Oficial): Sem Registro (no Registry)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Eugenio Leal
Brasil – Brazil Espanha – Spain
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
At
At
At
01 Émerson Leão ©
13 Nelinho Rezende (Gil)
03 Oscar Bernardi
04 Amaral dos Santos
06 Edinho
05 Toninho Cerezo
17 Batista da Silva
08 Zico (Jorge Mendonça)
02 Toninho Baiano
09 Reinaldo Lima
Dirce Guimarães
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
13 Miguel Ángel
17 Marcelino Pérez
05 Migulei (Biosca)
16 Antonio Olmo
03 Francisco Uria (Guzmán)
21 Isidoro San José
14 Eugenio Leal
04 Juan Manuel Asensi ©
08 Juanito
10 Santillana
11 Julio Cardenosa
Coach: Cláudio Coutinho Coach: László Kubala
07
10
12
14
15
16
18
19
20
21
22
Zé Sérgio Presti
Roberto Rivelino
Carlos Gallo (gk)
Abel Braga
Polozzi
Rodrigues Neto
Bufalo Gil, aos 24’/2º
Jorge Mendonça, aos 27’/2º
Roberto Dinamite
Chicão Avanzi
Waldir Peres (gk)
01
02
06
07
09
12
15
18
19
20
22
Luis Arconada (gk)
Antonio de la Cruz
Antonio Biosca, aos 5’/2º
Daniel “Dani” Ruiz
Enrique González “Quini”
Antonio Guzman, aos 34’/2º
Rafael Pérez “Marañon”
José Sánchez “Pirri”
Carles Rexach
RUBÉN CANO
Francisco Urruticoechea “Uruuti” (gk)
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
0 x 0 0 x 0 0 x 0
● Jogo válido pela Copa do Mundo de 1978, na Argentina;
● No outro jogo do grupo a Áustria venceu a Suécia por 1 x 0;
● Brasil: Camisa Amarela, Calção Branco e Meias Brancas (Adidas).
● Espanha: Camisa Vermelha, Calção Azul e Meias Pretas;
● Elenco do Brasil na Competição: www.jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com/elenco
Tabela de Classificação do Grupo do Brasil
Times (Técnico) Pts Jgs Vit Emp Der GP GC S
. Áustria (Helmut Senekowitsch) 4 2 2 0 0 3 1 2
. Brasil (Cláudio Coutinho) 2 2 0 2 0 1 1 0
. Suécia (Georg Ericson) 1 2 0 1 1 1 2 -1
. Espanha (Ladislao Kubala) 1 2 0 1 1 1 2 -1
# Os dois melhores colocados classificam-se para as semifinais;

.:: Galeria de Imagens ::.
Em pé: Toninho Baiano, Leão (capitão), Oscar, Edinho, Amaral e Batista;
Agachados: Nelinho, Zico, Reinaldo, Toninho Cerezo e Dirceu.
Crédito: www.gazetapress.com/acervo
Uma das formações da Espanha na Copa do Mundo de 1978;
Crédito: www.pinterest.com.br

.:: Deixe um Comentário ::.
Se você gostou desse post ou do site indique para seus amigo.
Deixe uma crítica ou uma sugestão.

06/06/1962 – Brasil 2 x 1 Espanha

Amarildo fez o dois gols que classificaram o Brasil para as Quartas de Final;
Crédito: www.gettyimages.com/Foto/Popperfoto
Ficha Tecnica
Brasil 2 x 1 Espanha
FIFA World Cup Chile 1962: Brazil 2 – 1 Spain
Ficha Técnica
• Competição (Tournament): Copa do Mundo de 1962 – 1ª Fase – Grupo 3 – 3ª Rodada
• Data (Date): Quarta-Feira, 6 de Junho de 1962, as 15:00 hs (Local)
• Estádio (Stadium): CD Everton – Sausalito, em Viña del Mar (Chile)
• Público (Attendance): 18.715 expectadores pagantes
• Árbitro (Referee): Sergio Bustamante (Chile)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Esteban Mariño (Uruguai / Uruguai)
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): José Antonio Sundheim (Colômbia)
• Quarto Árbitro (Fourth Oficial): Sem Registro (No Registry)
• Advertências (Cautions): Nessa Época Não Existia
• Expulsão (Sent Off): Nenhuma (None)
Gols (Goals) Gols (Goals)
1-1 Amarildo, aos 26’/2º 1-0 Adelardo, aos 34’/1º
2-1 Amarildo, aos 40’/2º
Brasil – Brazil Espanha – Spain
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
At
At
At
At
01 Gilmar
02 Djalma Santos
03 Mauro Ramos ©
05 Zózimo
06 Nilton Santos
04 Zito
08 Didi
07 Mané Garrincha
19 Vavá
20 Amarildo
21 Zagallo
Go
Df
Df
Df
Mc
Mc
At
At
At
At
At
01 José ARAQUISTÁIN Arrieta
17 Francisco “RODRI” García
07 Luis Maria ECHEBERRÍA e
10 Sígfrid GRACIA Royo
22 Martí VERGÉS Massa
13 Enrique “PACHÍN” Pérez
04 Enrique COLLAR Monterrubio ©
18 ADELARDO Rodríguez Sánchez
14 Ferenc Puskás
12 Joaquin PEIRÓ Lucas
09 Francisco GENTO López
Head Coach: Aymoré Moreira Head Coach: Helenio Herrera
09
10
11
12
13
14
15
16
17
18
22
Coutinho
Pelé [lesionado]
Pepe
Jair Marinho
Hideraldo Bellini
Jurandir
Altair
Zequinha
Mengálvio
Jair da Costa
Castilho (gk)
02
03
05
06
08
11
15
16
19
20
21
Salvador SADURNÍ Urpi (gk)
CARMELO Cedrún Ochandátegui
Luis DEL SOL Cascajares
Alfredo Stéfano DI STÉFANO
Jesús GARAY Vecino
Feliciano Muñoz RIVILLA
Eulogio MARTÍNEZ Ramiro
Severino REIJA Vázquez
José Emilio SANTAMARÍA
Joan SEGARRA Iracheta
Luis SUÁREZ Miramontes
Observações
# Nesse jogo aconteceu um lance genial: Nilton Santos fez falta em Enrique Collar dentro da grande área, o árbitro marcou, Nilton deu um passo pra fora e o ábitro acabou marcando a falta fora da área; Nesse momento a Espanha vencia por 1 x 0;
# Com esse resultado o Brasil classificou-se para as Quartas de Final
# No outro jogo o México venceu a Tchecoslováquia por 3 x 1, em Viña del Mar.
# Ferenc Puskás é hungaro naturalizado; Francisco Gento e Alfredo Di Stáfano são argentinos naturalizados e José santamaría é uruguaio naturalizado espanhol;
# Nesta copa não havia susbstituições nem cartões amarelos ou vermelhos.
# Súmula FIFA – Match Report: www.fifa.com/world-cup/matches
# Link Externo – External Link: www.wikipedia.org/1962-FIFA-World-Cup/schendule
# Link Externo – External Link: www.wikipedia.org/1962-FIFA-World-Cup/squads
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
0 x 1 2 x 0 2 x 1
Tabela de Classificação do Grupo 3
Seleções Pts Jgs Vit Emp Der GP GC Sg
• Brasil (Aymoré Moreira) 5 3 2 1 0 4 1 3
• Tchecoslováquia (Rudolf Vytlačil) 3 3 1 1 1 2 3 -1
• México (Ignacio Tréllez) 2 3 1 0 2 3 4 -1
• Espanha (Helenio Herrera) 2 3 1 0 2 2 4 -2
# Os dois primeiros colocados classificam-se para a Segunda Fase;

.:: Galeria de Imagens ::.
Uma das formaçõe da seleção brasileira na copa do mundo de 1962;
Em pé: Aymoré Moreira (técnico), Djalma Santos, Zito, Gilmar, Zózimo, Nilton Santos e Mauro;
Agachados: Mário Américo (massagista), Garrincha, Didi, Vavá, Amarildo e Zagallo
Crédito: www.associacaoportuguesadesportos.blogspot.com.br

O Lance da Partida:

Por causa de um senhor espanhol de 77 anos, o Brasil poderia ser tetra e não pentacampeão mundial. E ninguém teria o direito de reclamar. A história começa e termina em Viña del Mar, Chile, 6 de junho de 1962 (50 anos atrás). Brasil e Espanha se enfrentavam pela última rodada da primeira fase da Copa do Mundo. Quem perdesse, ia embora para casa. Segundo tempo, espanhóis 1 a 0 no placar, Enrique Collar é derrubado por Nilton Santos dentro da área. O brasileiro dá dois passos para fora da área e engana o árbitro Sergio Bustamante, que marca falta em vez de pênalti. A Seleção vira o jogo, chega às quartas de final e depois conquista o título. Collar faz sua estreia e despedida em Copas. Um jogo que ele lembra nos mínimos detalhes, mas sem queixas ou lamentos.

– Eu passei por Nilton Santos e ele me derrubou. Pênalti. Mas foi para fora da área e o árbitro não viu. Nós reclamamos, falamos com o juiz. Mas, no futebol, se o juiz não marca, a jogada não aconteceu. Foi inteligência de Nilton Santos, que era um grande jogador. Isso são coisas do futebol. Não tenho queixa alguma. Ele fez o que tinha que fazer por sua equipe – afirmou.

Apesar da decepção pela derrota, Enrique Collar se orgulha da participação naquele jogo de 50 anos atrás. A camisa que usou naquele dia está em exibição no museu do Atlético de Madri, onde atuou como atacante por 18 temporadas e continuou trabalhando até o ano passado como presidente da fundação que leva o nome do clube. Collar chegou ao Mundial do Chile como reserva, mas foi escalado contra o Brasil num pacotão de mudanças promovido pelo treinador Helenio Herrera.

O duelo entre brasileiros e espanhóis era um dos mais aguardados da Copa, mas as duas equipes chegaram desfalcadas de seus principais jogadores. O Brasil não tinha Pelé, que sofrera uma lesão na coxa na partida anterior, o empate em 0 a 0 com a Tchecoslováquia. Do lado adversário, o argentino naturalizado espanhol Alfredo Di Stéfano, craque do Real Madrid, viajou para o Mundial recuperando-se de um problema no joelho mas acabou não disputando partida alguma. Quem brilhou em Viña del Mar e fez a diferença a partir dali na Copa do Mundo foi um brasileiro que Enrique Collar diz ter sido um dos maiores que viu jogar.

– Garrincha era fantástico e foi o grande jogador daquele Mundial. Coitado de quem tinha que marcá-lo. Tínhamos que dar apoio ao nosso companheiro após a partida por causa do que ele tinha sofrido durante o jogo – recordou.

Amarildo empatara para o Brasil aos 27 minutos aproveitando cruzamento de Zagallo pela esquerda. A quatro minutos do fim, Garrincha pegou a bola e balançou na frente de dois adversários. Passou por um, pelo outro, chegou à linha de fundo e cruzou na cabeça de Amarildo, que botou a bola na rede e selou a virada brasileira.

– O que Garrincha fazia com a bola e o que fez contra nós naquele dia… nossa! – disse Collar, ainda admirado.

O espanhol voltaria a enfrentar Mané Garrincha outras três vezes, por três dos quatro clubes onde atuou.

– Joguei contra ele por Atlético, depois pelo Valencia e também pelo Murcia. Todas em partidas foram contra o Botafogo e ele sempre fazia coisas incríveis com a bola. Mesmo dentro de campo, você olha para o adversário e tenta aprender alguma coisa com ele. Olhava admirado para o Garrincha – acrescentou.

No Atlético de Madri, Collar atuou ao lado de um outro brasileiro campeão mundial no Chile, o atacante Vavá.

– Ganhamos duas Copas do Rei juntos. Ele era um grande atacante, que não desistia nunca e nos ajudou muito. Mas Vavá voltou ao Brasil justamente para poder disputar a Copa do Chile – disse o ex-atacante espanhol, que citou ainda o zagueiro brasileiro Ramiro, ex-Santos, outro com quem jogou no clube da capital espanhola.

# Fonte: globoesporte.globo.com/Reportagem/Rafael-Maranhão-em-Madrid


.:: Deixe um Comentário ::.
Se você gostou desse post ou do site indique para seus amigo.
Deixe uma crítica ou uma sugestão.